Epistaxis maciça pós-traumática tardia em doente com displasia fibromuscular - Caso clínico

Ana Rita Nobre, Sofia Pinto, Vítor Sousa & Carlos Ribeiro
A epistaxis é um problema comum e, na maioria das situações, de fácil controlo. Quando ocorre após traumatismos crânioencefálicos decorre geralmente de lacerações da mucosa nasal ou lesão de ramos das artérias etmoidal anterior ou esfenopalatina. Excepcionalmente, a hemorragia pode ser de extrema abundância e de tão difícil controlo que coloca em risco a vida do paciente. Nestas situações é mandatório despistar e corrigir anomalias vasculares, nomeadamente aneurismas, pseudo-aneurismas ou fístulas arterio-venosas, apesar de serem...
This data repository is not currently reporting usage information. For information on how your repository can submit usage information, please see our documentation.