Otosclerose - Correlacção clínica e imagiológica

Carla D'Espiney Amaro, Rudolfo Montemor, Sandra Nascimento, Susana Ribeiro, Sara Viana Baptista & Ezquiel Barros
Objectivos: Identificar factores que influenciem os resultados no pós-operatório em otosclerose, nomeadamente a tomografia computorizada (TC). Material e métodos: Estudo retrospectivo de 42 doentes. Análise estatística com o teste de T Student e o estudo de Correlações de Pearson. Resultados: O Gap aero-ósseo (GAO) médio no pré e pós operatório foi, respectivamente, 42 dB e 13 dB. Das 11 TC avaliadas, verificaram-se focos activos em 4 ouvidos e inactivos em 5. Uma das TC foi...
This data repository is not currently reporting usage information. For information on how your repository can submit usage information, please see our documentation.