Comunicólogo Que Brinca Comunica Mais?

Ivany Câmara Neiva & Aluízio Augusto
O artigo trata da utilização de brinquedos e brincadeiras como recurso de aprendizagem no Ensino Superior. A pesquisa partiu de oficinas realizadas há sete anos, na disciplina "Elementos de Realidade Regional e Brasileira Contemporânea", do Curso de Comunicação Social da Universidade Católica de Brasília. Verificaram-se influências no cotidiano e exercício profissional de sete ex-alunos que haviam participado das oficinas.
This data repository is not currently reporting usage information. For information on how your repository can submit usage information, please see our documentation.