7 Works

“Hagamos mundo nuevo aquí”: O negro e o vilão em dois textos de Gil Vicente

Simão Valente
Este ensaio compara Fernando, o homem negro que procura transformar-se em branco, sem sucesso, em Frágua d’Amor, com o rústico português em Templo de Apolo. A diferença de linguagem e estrato social das duas personagens exclui-as à partida do contexto galante e cortesão em que a maioria das outras personagens opera, algo de especial importância se lermos nestes dois textos alegorias da recriação ou refundação de “novas" comunidades políticas num contexto europeu, por ocasião dos...

Literatura colonial de autoria feminina: O Último Batuque, de Maria do Céu Coelho

Jessica Falconi
O artigo pretende aprofundar e alargar o conhecimento da escrita das mulheres portuguesas sobre temática colonial, proporcionando uma leitura do livro O último batuque (1963) de Maria do Céu Coelho, publicado em Moçambique em princípios da década de 1960. Trata-se de uma obra singular, por focar o tópico eminentemente masculino da caça a partir da perspetiva de uma mulher, e também por ser um livro híbrido que combina a escrita memorialística e breves novelas sobre...

Multiculturality as a Point of Union

Estrella Luna Muñoz & Isabel Cristina Trindade

87Sr/86Sr dating of the Alcácer do Sal Formation (upper Miocene, mainland Portugal)

Ricardo Ressurreição, Paulo Legoinha, Ruben Pereira Dias, José Francisco Santos, Sara Ribeiro, Carla Patinha & Rui Gonçalves Miranda

Literature, Text and Context

João Ventura

Paleodictyon maximum: forma típica da Icnofácies de Nereites em ambiente de rampa carbonatada do Jurássico Médio da Praia da Mareta (Bacia do Algarve, Portugal)

Carlos Carvalho, Paulo Fernandes, José Oliveira & José Anacleto

As donas da Zambézia na ficção narrativa: da imaginação colonial à imaginação nacional

Fátima Mendonça
O texto analisa a forma como as chamadas Donas da Zambézia e os acontecimentos históricos em que participaram, são representados quer na ficção colonial portuguesa quer em narrativas pós-coloniais da autoria de escritores moçambicanos. Pretende mostrar, com o exemplo de Zambeziana, publicado em 1927 em Portugal, a intersecção existente entre o discurso exótico e o discurso colonial, incidindo sobre os tópicos raciais e sexuais, entre outros. Numa perspectiva comparada mostra igualmente como os mesmos acontecimentos...

Registration Year

  • 2022
    1
  • 2021
    6

Resource Types

  • Journal Article
    7

Affiliations

  • University of Lisbon
    7
  • National Laboratory of Energy and Geology
    2
  • University of Aveiro
    1
  • University of Algarve
    1
  • Universidade Nova de Lisboa
    1
  • Eduardo Mondlane University
    1